Palácio Dolmabahçe em Istambul

palacio dolmabahce istambul

Palácio Dolmabahçe construído no século 19 em Istambul merece destaque , sendo um dos mais glamurosos do mundo e com certeza vale à pena incluì-lo num roteiro pela cidade.

Este Palàcio, de arquitetura tipicamente europeia foi símbolo das influencias do lado ocidental durante o Império Otomano. Os sultões que anteriormente viviam no Palacio Topkapi, adaptaram às suas vidas o estilo europeu e entao construíram e foram morar em outros palácios às margens do Bòsforo.

jardins palacio dolmabahce

O Dolmabhçe foi centro administrativo do Império Otomano de  1853 a 1922. Uma das principais curiosidades do Dolmabahçe é que a famosa figura política, Mustafa Kemal Ataturk, o primeiro presidente da Repùblica Turca morou por algum tempo e morreu no palácio, sendo que seu antigo quarto é uma das alas que vemos durante a visita. ( Se você possui o ingresso para o Harém). Ataturk , que foi e ée considerado até hoje um ídolo no paìs, morreu no Palàcio no dia 10 de Novembro de 1938, às 9h05 da manha. Dizem que todos os relógios do palácio param nesta exato horário!

Um dos primeiros pontos de parada é na Praça Principal próxima à entrada do Palàcio, onde é possìvel ver a “Torre do Relogio”.

É muito mais fácil planejar viagens com o Me Joguei no Mundo!
Utilize os links dos nossos afiliados logo a seguir para conseguir descontos em hospedagens, seguro viagem, ingressos e muito mais!

torre do elogio palacio dolmabahce

Logo na entrada do Palàcio, a àrea externa jà impressiona pela fachada, lindos jardins , portoes decorados e a vista para o mar! O Palácio Dolmabahçe é grandioso e imponente. Sao mais de 285 quartos e 43 salas, decorados suntuosamente. Nada foi economizado na construçao e decoracao deste palàcio apesar de que iniciava-se a queda do Império Otomano.

[alert type=”error|success|info” close=”true”]É proibido tirar fotos no interior do Palácio Dolmabahçe entao capriche nas fotos externas! :)[/alert]

Palácio Dolmabahçe Istambul

 

exterior palacio dolmabahce

Como chegar ao Palácio Dolmabahçe

Partindo de Sultanahmet a forma mais simples e barata é pegar o tram, o trenzinho de superfìcie em sentido a Kabataş, e entao caminhar cerca de 10 minutos.

Para quem està hospedado na região de Taksim, é ainda mais fácil, basta pegar o Funicular, o metrô de apenas uma estação e descer em Kabataş.

Como é a visita ao Palácio Dolmabahçe

Se você estiver planejando a visita ao Palácio Dolmabahçe é importante se programar e de preferência chegar cedo pois apenas 3000 pessoas por dia podem visità-lo e a procura é sempre grande, principalmente durante a alta temporada.

Além da fila para comprar ingresso é necessário aguardar em outra fila pois a única forma de visitar o Palàcio é através de uma visita guiada e entao apenas grupos pequenos de pessoas entram a cada vez.Essa visita guiada pode ser feita em turco, inglês ou espanhol e dura cerca de 45 minutos!

[alert type=”error|success|info” close=”true”]O Palácio Dolmabahçe é fechado para visitas às segundas e quintas-feiras[/alert]

Existem dois tipos de ingresso, o que dà acesso a área publica do Palàcio e outro que dà acesso ao Harém, onde ficavam os aposentos particulares dos sultões e suas famílias. Ao invés de comprar os dois separados, existe um ingresso combo que acaba saindo mais barato, cerca de 40 liras, na época em que là estive.

palacios istambul

Antes de entrarmos recebemos sacos plàsticos descartàveis para colocar nos pés sobre os sapatos, uma forma de proteção aos incríveis tapetes utilizados na decoração.

Se a parte externa do Palàcio jà impressiona,o que dizer entao da parte interna? Completamente luxuoso e o mais interessante é que a decoraçao muda a cada sala e quarto, o que contribui para não deixar a visita chata.Entre os diversos objetos preciosos, os ornamentos em ouro no teto do palácio e um gigantesco lustre de cristal chamam a atenção. Dizem que foram usadas 35 toneladas de ouro nesta decoração, sendo 14 toneladas destinadas apenas para os ornamentos no teto do palácio!

Uma visita ao Palácio Dolmabahçe nos transporta para o passado e nos faz imaginar como teria sido viver ali em um local cercada de tanto luxo e historia.

Està planejando a sua viagem a Istambul ? Veja opçoes de estadia na cidade, clique aqui para pesquisar e reservar tranquilamente seu Hotel pelo Booking.com

Saiba aqui porque recomendo o Booking.com.

Espero que tenha gostado do artigo e que ele tenha sido útil no planejamento de sua viagem!

Monique B. Ribeiro

travel-icon-183+ Dicas para planejar a sua viagem pela Suíça

  • Seguro de Viagem - Nunca se esqueça de contratar um Seguro de Viagem/Assistência Médica,algo que é obrigatório e essencial à sua viagem pela Suíça! Um Seguro de Viagem possui um custo baixo e pode evitar diversos problemas que poderiam causar stress à sua viagem. Recomendamos a Seguros Promo, um comparador de preços para você fazer a sua pesquisa e encontrar o melhor seguro de viagem de acordo com as suas necessidades ao melhor custo benefício. Cote os valores e garanta 5% de desconto usando o código do blog: MEJOGUEINOMUNDO5
  • Swiss Travel Pass: A melhor opção para explorar a Suíça utilizando toda a rede de transportes, o que inclui trem, ônibus e barcos em viagens ilimitadas + gratuidade em rotas de trem panorâmicas pelo país e descontos em passeios aos Alpes e entradas em museus. Escolha o seu Swisspass aqui.
  • Global Pass: Caso seu roteiro inclua mais países pela Europa, talvez o Globalpass seja a melhor opção para você viajar de trem pela Europa. Informações e venda aqui.
  • Aluguel de carro na Suíça e Europa: Para quem quer ter a liberdade de explorar a Suíça e outros países da Europa que ficam na fronteira, o aluguel de carro é uma excelente opção! Recomendamos o site RentalCars, que é um buscador que mostra diversas locadoras de carros e os melhores preços.
  • Excursões e passeios pela Suíça com excelente custo benefício: Recomendamos a GetyourGuide. que é uma empresa líder mundialmente na venda de excursões e tickets para atrações em diversos países.  Mais de 100 opções de passeios pela Suíça feitos por agências locais como transfers de/para aeroportos nas principais cidades suíças e excursões aos Alpes, muitas vezes com preços mais baratos até mesmo do que comprando diretamente no guichê.
  • Pesquisa e reserva de hotéis: utilize o Booking.com, uma plataforma de busca e reserva de hotéis reconhecida mundialmente. Sempre pesquiso e acabo reservando hospedagem por lá por vários motivos, entre elesa possibilidade de muitas vezes reservar sem o cartão de crédito ou optar por pagar apenas na chegada e também é possível ler as avaliações de outros hóspedes.
    Veja aqui, por exemplo uma relação das hospedagens mais recomendadas nas principais cidades suíças:

Mais posts sobre a Suíça para te inspirar

Planejamento de Viagem à Suíça

Transporte na Suíça

Suíça nas diferentes estações

Principais cidades

Principais passeios em montanha

Lagos na Suíça

Vilas Suíças e dicas de passeios

Este post contém links de afiliados o que permite que um percentual de comissão seja repassado ao Blog em caso de reservas realizadas por aqui mas você leitor não paga nada a mais por isso e ainda contribui para manter o blog ativo e atualizado. Em caso de dúvidas consulte nossa Política de Publicidade. 

Mais de Monique Bianchi

Minha primeira viagem para Amsterdam – todos os posts

Escrevi aqui no Blog 10 artigos sobre a minha primeira visita à...
Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *