Morcote, uma das vilas mais bonitas da Suíça

Morcote é o nome de uma pequena vila localizada às margens do Lago Lugano, na região italiana da Suíça conhecida como Ticino. É uma antiga vila de pescadores que impressiona pelo seu charme e beleza natural, tendo inclusive recebido o título de vila mais bonita da Suíça no ano de 2016!

Quem visita a pacata vila de Morcote não imagina que ali estava localizado o maior porto no Lago de Lugano de estratégica importância para o comércio com o norte da Itália durante a Idade Média.

A vila de Morcote é um grande motivo para visitar Ticino, a região italiana da Suíça. Juntamente com a vila de Gandria é um dos melhores passeios a partir de Lugano.

Continue lendo esse artigo para descobrir mais sobre a incrível vila de Morcote que é uma das vilas mais fotogradas de Ticino e de toda a Suíça.

o que fazer em morcote

Onde fica e como chegar

A vila de Morcote está localizada entre o lago e montanhas. Fica um pouco mais de 12 quilômetros de distância de Lugano, às margens do lago.

Dá para chegar de barco, de carro ou de transporte público .

chegando em lugano de barco

De barco a partir de Lugano

barco de lugano a morcote

Na minha opinião, essa é a melhor forma para se chegar a Morcote. A chegada de barco é especial e nos permite ver o vilarejo se aproximando pouco a pouco. Além disso esse trajeto de barco saindo da cidade de Lugano é belíssimo e passa por outra vila linda às margens do Lago de Lugano: Gandria.

O percurso de barco de Lugano até Morcote leva cerca de 1h15 minutos.

Consulte o site ou app da SBB para conferir horários. Durante o verão a oferta é bem maior, e nas outras épocas acabam sendo reduzidos.

Vila-de-Morcote-Lugano2-2

De transporte público

É possível chegar em Morcote a partir de Lugano também de ônibus ou trem + ônibus.

Veja algumas opções abaixo. Combinar o trem com ônibus acaba sendo a forma mais rápida que leva cerca de 30 minutos.

Os horários porém não são tão frequentes, especialmente durante o final de semana. Se planeje bem antes de sair para o passeio.

Quando fui a Morcote pela primeira vez, cheguei de barco e na volta não havia mais ônibus ou o próximo demoraria muito a passar então acabei voltando a pé até a estação Melide.

Caso você esteja hospedado em Ticino, você receberá do seu hotel, hostel ou camping um bilhete chamado Ticino Ticket que dá gratuidade no transporte público da região e descontos em passeios de barco e de montanha.

como chegar em morcote
ônibus para morcote.
morcote em ticino

De carro

Para quem chega de carro em Morcote, há estacionamento disponível e o trajeto leva pouco mais de 20 minutos.

Há diversas vagas de estacionamento cujo pagamento é feito com moedas mas também há uma garagem com cerca de 300 vagas onde a máquina aceita também cartão.

O que ver e fazer em Morcote durante sua visita

Um passeio a pé por Morcote é uma agradável forma de explorar este vilarejo que é bem pequeno.

A vila de Morcote pode ser dividida basicamente em duas partes: a parte às margens do Lago, onde se localiza o centro histórico, o porto e o comércio local composto de hotéis, restaurantes e cafés; e a parte acima do lago, em uma colina onde se localiza uma rota de peregrinação, santuários e símbolos religiosas, e diversas passagens e alamedas que ainda carregam o estilo medieval.

Morcote às margens do Lago

A caminhada começa a partir do porto de Morcote ao longo de uma área com vários restaurantes, alguns flutuantes no lago. Depois continua em direção ao centro da vila.

O centro de Morcote é composto de uma linha de construções simples e outras mais nobres às margens do Lago de Lugano. Há várias passagens cobertas em formato de arco com pilares, uma das características da vila, onde é possível encontrar restaurantes, cafés e algumas lojas.

Essa parte da vila de Morcote é uma delícia de ser explorada e vale a pena fazer uma pausa para um café, drink ou refeição de frente para o lago.

Algumas atrações dessa parte de Morcote são:

  • Tower of Capitano – uma torre medieval construída no ano de 1249 e que hoje abriga um museu, o Museo del manifesto ticinese.
  • Palazzo Paleari – uma das casas nobres construída em 1483
  • Parco Scherrer – pessoalmente eu acho a visita a este parque algo imperdível na vila de Morcote. O Parco Scherrer é um parque com jardins botânicos e uma rica coleção de objetos e construções (réplicas ou não) de diversos países e culturas. O local abriga também diversos eventos culturais ou artísticos e é muito procurado para celebrações como casamentos. É um lugar belíssimo

Morcote acima do Lago

Após caminhar pelo centro de Morcote, você irá se deparar com uma escadaria de 400 degraus que leva até a Igreja Santa Maria del Sasso e à parte superior da vila.

Durante a subida, passamos por uma linda fonte e afrescos sem contar a vista acima da vila e do lago que é simplesmente surpreendente. Com certeza vale muito a pena subir para ter uma das melhores vistas de Morcote.

A Igreja Santa Maria del Sasso é um exemplo de arquitetura barroca e renascentista. Em seu interior há afrescos de diferentes épocas, uma linda cúpula e um órgão histórico do ano 1700

Além da Igreja Santa Maria del Sasso, outras atrações lá em cima ou pelo caminho são:

  • A Capela de Santo Antonio de Padova com teto octagonal
  • Um cemitério com terraços acima do lago
  • Capela de Santo Antônio Abade com um único afresco

+ Dicas para visitar Morcote

parco scherrer em morcote
Parco Scherrer em Morcote
  • Caso tenha tempo e pretenda conhecer mais da Suíça italiana, Lugano é uma excelente base para você se hospedar e fazer o passeio até Morcote
  • Planeje o seu dia para chegar cedo em Morcote, Apesar de ser uma vila pequena, é preciso tempo para explorar, principalmente ao subir para a parte superior da vila ou caso decida visitar o Parco Scherer, um local onde é possível passar horas;
  • Não se esqueça de verificar os horários de chegada e partida do ônibus caso vá de transporte público;
  • Vá com um sapato confortável para andar pela vila e subir os 400 degraus até a parte superior
vila de morcote suíça

Espero que tenha gostado do artigo e que ele tenha sido útil no planejamento de sua viagem! Se este conteúdo foi útil para você, uma forma de retribuir é reservar um dos serviços abaixo usando nossos links de afiliado. Assim uma pequena comissão é repassada ao blog, você não paga nada a mais por isso, e nos ajuda a manter o blog sempre atualizado. 🙂 Monique B. Ribeiro

travel-icon-183+ Dicas para planejar a sua viagem pela Suíça

  • Seguro de Viagem - Nunca se esqueça de contratar um Seguro de Viagem/Assistência Médica,algo que é obrigatório e essencial à sua viagem pela Suíça! Um Seguro de Viagem possui um custo baixo e pode evitar diversos problemas que poderiam causar stress à sua viagem. Recomendamos a Seguros Promo, um comparador de preços para você fazer a sua pesquisa e encontrar o melhor seguro de viagem de acordo com as suas necessidades ao melhor custo benefício. Cote os valores e garanta 5% de desconto usando o código do blog: MEJOGUEINOMUNDO5
  • Swiss Travel Pass: A melhor opção para explorar a Suíça utilizando toda a rede de transportes, o que inclui trem, ônibus e barcos em viagens ilimitadas + gratuidade em rotas de trem panorâmicas pelo país e descontos em passeios aos Alpes e entradas em museus. Buscar um passe de trem
  • Global Pass: Caso seu roteiro inclua mais países pela Europa, talvez o Globalpass seja a melhor opção para você viajar de trem pela Europa. Buscar um passe de trem
  • Aluguel de carro na Suíça e Europa: Para quem quer ter a liberdade de explorar a Suíça e outros países da Europa que ficam na fronteira, o aluguel de carro é uma excelente opção! Recomendamos o site RentalCars, que é um buscador que mostra diversas locadoras de carros e os melhores preços.
  • Excursões e passeios pela Suíça com excelente custo benefício: Recomendamos a GetyourGuide. que é uma empresa líder mundialmente na venda de excursões e tickets para atrações em diversos países.  Mais de 100 opções de passeios pela Suíça feitos por agências locais como transfers de/para aeroportos nas principais cidades suíças e excursões aos Alpes, muitas vezes com preços mais baratos até mesmo do que comprando diretamente no guichê.
  • Pesquisa e reserva de hotéis: utilize o Booking.com, uma plataforma de busca e reserva de hotéis reconhecida mundialmente. Sempre pesquiso e acabo reservando hospedagem por lá por vários motivos, entre elesa possibilidade de muitas vezes reservar sem o cartão de crédito ou optar por pagar apenas na chegada e também é possível ler as avaliações de outros hóspedes. Veja aqui, por exemplo uma relação das hospedagens mais recomendadas nas principais cidades suíças:

Mais posts sobre a Suíça para te inspirar

Planejamento de Viagem à Suíça

Transporte na Suíça

Suíça nas diferentes estações

Principais cidades

Principais passeios em montanha

Lagos na Suíça

Vilas Suíças e dicas de passeios

Este post contém links de afiliados o que permite que um percentual de comissão seja repassado ao Blog em caso de reservas realizadas por aqui mas você leitor não paga nada a mais por isso e ainda contribui para manter o blog ativo e atualizado. Em caso de dúvidas consulte nossa Política de Publicidade. 
Mais de Monique Bianchi

Os clubes de compra para viajantes sofisticados

Talvez eu esteja um tanto atrasada para falar sobre este assunto, mas...
Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *