Subida à Pilatus pela Rota Dourada – Experience Pilatus

montanha pilatus lucerne

Como já contei aqui no Blog, O Monte Pilatus é um dos símbolos da região central da Suíça e o principal passeio de montanha em Lucerne. 

O passeio é realmente imperdível, e dessa vez voltei à Montanha Pilatus em um projeto com outras 4 blogueiras, também moradoras da Suíça, chamado Experience Pilatus.

Neste projeto organizado pela Ana Luiza do Pelo Mundo Blog,  eu, a Renata ( As Viagens da Re), a Janaína (Descobrindo a Suíça) e a Priscila (Suíça entre Amigos) visitamos a Montanha Pilatus em um sábado e exploramos as principais atrações durante este passeio para trazer aos leitores informações atuais e compartilhar a experiência de conhecer uma das montanhas mais sensacionais da Suíça.

A Rota Dourada: barco, trem e bondinho até o topo da Pilatus

A Rota Dourada é um circuito circular entre a subida e a descida do Monte Pilatus.Inclui passeio de barco, trajeto de subida ou descida de trem de cremalheira na ferrovia mais inclinada do mundo e a subida ou descida de gôndola panorâmica e bondinho. Foi esse o trajeto que fizemos.

pilatus rota dourada

É muito mais fácil planejar viagens com o Me Joguei no Mundo!
Utilize os links dos nossos afiliados logo a seguir para conseguir descontos em hospedagens, seguro viagem, ingressos e muito mais!

Nós começamos o circuito a partir da cidade de Lucerne, com o passeio de barco.O barco parte do píer que fica em frente a estacao de trem em Lucerne. Você só precisa atravessar a rua e olhar no painel principal o número do píer de onde sai o barco que vai para Alpnachstad.

O passeio de barco até Alpnachstad leva 1 hora mas é muito agradável e uma excelente oportunidade de vislumbrar os Alpes e a montanha Pilatus se aproximando. No barco há uma área externa de onde se pode apreciar melhor a paisagem e na parte interna há mesas e um café/restaurante.

A segunda parte do circuito é  a subida até o monte Pilatus com o trem de cremalheira. A subida leva cerca de 30 minutos para chegar aos 2132 m de altitude, no topo da montanha.

Começando o circuito desta forma a descida é  de bondinho até Kriens, de onde se pega um ônibus até a estação central de Lucerne.

Mas, vamos por partes. Antes de contar sobre a descida, vamos falar sobre as atrações no topo da Pilatus.

O cume da Montanha Pilatus

Durante todo o percurso de trem até o topo da Pilatus, paisagens surpreendentes passavam pela janela, motivo de admiração de todos os passageiros.A inclinação do trem é realmente impressionante mas não chega a dar medo.

Assim que chegamos ao topo, fomos recebidas com música. Nos aproximamos e vimos que havia uns músicos tocando o Alphorn, típico instrumento suíço. Isso é bem comum em Pilatus. Todas as vezes em que estive por lá havia música.

atracoes montanha pilatus

Em seguida resolvemos fazer uma pequena trilha para um dos pontos panorâmicos de onde pudemos observar melhor toda a estrutura construída no topo da montanha, que inclui 2 hotéis e restaurantes.

Continuamos a trilha para uma parte conhecida como a “Trilha do Dragão” que passa por cavernas e permite uma vista 360 graus dos Alpes e do Lago de Lucerne. Trata-se de uma trilha bem simples, que crianças também podem fazer, mas que é necessário ter atenção e estar com um bom calçado, de preferência um tênis com um bom solado.

O almoço em um dos restaurantes no topo da Pilatus

Com a caminhada, a fome começou a aparecer e escolhemos o Restaurante Pilatus Kulm para almoçar. Esse restaurante faz parte do Hotel Pilatus Kulm, em funcionamento desde 1890. Possui 3 ambientes internos e um terraço externo de onde se pode comer e beber com a impressionante vista dos Alpes.

Nós escolhemos ficar na área interna, numa sala de decoração inspirada na Belle Epoque. Esse e um restaurante a la carte que serve pratos regionais e sazonais. Quem prefere um almoço com buffet pode ir ao Restaurante Bellevue que também oferece no menu pratos suíços e variedade de saladas e pratos quentes.

Depois de almoçarmos, pegamos o bondinho chamado de “Dragon Ride” para descer até a estação intermediária Fräkmunteg. O trajeto de 3 minutos e meio e cheio de paisagens panorâmicas com as janelas de vidro que vão do teto até o chão e temos a impressão de estar voando.

Aventura na estação intermediaria Fräkmunteg

Em Fräkmunteg há muitas atividades que envolvem adrenalina e diversão como um parque de arvorismo composto por tirolesas e vários obstáculos. Além disso, há também um tobogã alpino que foi a atividade escolhida por nós. São 1350 metros que fazem deste o maior tobogã alpino na Suíça.

A pista de toboga entre as lindas paisagens na Montanha Pilatus

Confesso que estava meio apreensiva mas sempre tive vontade de testar esse tobogã. Por apenas CHF 8 francos suíços você pode testar essa atividade.
Pegamos um pouco de fila, o que fez nossa ansiedade aumentar, mas foi muito divertido testar esse tobogã e muito mais fácil do que eu imaginava. Há um freio e você consegue controlar a velocidade. Pena que não conseguimos registrar esse momento porque é proibido descer com câmeras ou celular por questões de segurança, mas é possível comprar uma foto feita por uma das câmeras automáticas colocadas durante o percurso.  A subida é feita por cabos que puxam os “carrinhos de rolimã” ladeira acima e neste momento apenas relaxamos e curtimos a paisagem.

A descida de gôndola até Kriens

No nosso caminho de descida da Pilatus até Lucerne, completamos a rota dourada descendo de gôndola panorâmica de Fräkmunteg até Kriens. Esse percurso leva 30 minutos.

Existe uma outra parada intermediária chamada de Krienseregg onde há um restaurante e parquinho para crianças, mas não paramos por lá dessa vez e continuamos a descida.

monte pilatus luzern

Ao chegar em Kriens, temos que caminhar cerca de 5 minutos até o ponto de ônibus onde passa o ônibus número 1 que vai até a estação central de Lucerne.

Preços e horários

Quem tem o Swiss Travel Pass, se beneficia de 50% de desconto na Rota Dourada porque o passeio de barco de Lucerne a Alpnachstad sai de graça. Neste caso, o valor fica apenas CHF 36 francos por pessoa. Os tickets podem ser comprados diretamente em uma das estações de bondinho em Kriens, de trem em Alpnachstad, na estação de trem ou no escritório de turismo em Lucerne.

O valor normal da Rota Dourada custa CHF 102,60 na segunda classe do barco e incluí o ônibus de volta a Lucerne a partir de Kriens.

Atenção: A Rota Dourada funciona apenas de Maio a Outubro.

Se você quiser comprar o passeio antecipadamente e online recomendo o site GetyourGuide. Como você pode ver abaixo eles também oferecem a Rota Dourada com a presença de um guia ou apenas o passeio comum sem o cruzeiro pelo Lago de Lucerne.

Últimas dicas

  • Guarde o bilhete do passeio e não o perca porque ele é exigido nas catracas de entrada e saída das estações
  • Leve sempre uma jaqueta. A temperatura na montanha e instável e pode mudar de uma hora pra outra.
  • Vá com roupas e sapatos confortáveis
  • Separe ao menos 4 horas para fazer este passeio
  • Nao esqueça a câmera fotográfica 😉

Esse foi um dia incrível e realmente recomendo o passeio à Montanha Pilatus para pessoas de todas as idades e estilos. Com certeza você irá encontrar alguma atividade por lá ou ao menos curtirá as lindas paisagens.

Participaram do #experiencepilatus

Realização: Ana Luíza de Souza (Pelo Mundo Blog)
As Blogueiras –  Monique Bianchi (Me Joguei no Mundo),  Renata Autran (As Viagens da Re), Priscilla Wolf (Suíça Entre Amigos) e Janaina Abreu (Descobrindo a Suíça).
Apoio: Pilatus Bahnen.

Dica: Veja o que rolou no evento também, através das Hashtags #ExperiencePilatus e #Pilatus no Instagram e Facebook

montanha pilatus lucerne

Mais de Monique Bianchi

As maravilhas de Éfesos

Éfesos foi um dos passeios pelo interior da Turquia que mais gostei....
Leia Mais

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *