Universo Paralello – a incrível festa que dura 7 dias na Bahia

Foto divulgação Festival: Vista aérea da Praia de Pratigí na Bahia

Foi na virada do ano entre 2008 e 2009 que tive a oportunidade de conhecer e  curtir o incrível Festival Universo Paralello. Naquela época mal imaginava que criaria um  blog para compartilhar minhas experiências por aí.

Festival Universo Paralello
Foto divulgação Festival: Vista aérea da Praia de Pratigí na Bahia.

O Universo Paralello de 2009 rolou na paradisíaca praia de Pratigí, no município de Ituberá na Bahia. Agora imaginem uma praia deserta, cercada por uma fazenda de coqueiros,  onde 2 km são reservados para a festa onde rola música, preferencialmente eletrônica 24 horas por dia e existe uma estrutura que conta com camping, barracas de comidas, bebidas, chuveiros e banheiros improvisados e conta com apresentação de djs e artistas nacionais e internacionais nos 7 dias de festival.  Aliás grande parte do público de 20.000 pessoas que compareceu naquele  ano no festival eram de fora do Brasil! Gente que nunca havia vindo para cá e resolveu conhecer o país através deste Festival neste cantinho isolado da Bahia.

O festival é igualado a um dos maiores do mundo chamado Boom Festival que acontece anualmente em Portugal.

Universo Paralello Bahia
Foto Divulgação Universo Paralello

O Universo Paralello não é uma festa amplamente divulgada e nem é este o intuito.  O público é feito de pessoas de todas às tribos que possuem em comum o amor à música, arte, natureza, diversidade. É preciso ter a mente muito aberta porque lá encontramos pessoas com ideias de vida bem diferentes, como hippies, pessoas que moram em comunidades alternativas ou artistas que vivem realmente da arte. Esta é uma das maiores experiências do festival. Respeitar a diversidade e dançar junto com todos no mesmo local, na mesma música, em um lugar abençoado pela natureza. Mesmo quem  não curte música eletrônica, talvez se encontre por lá, pois existe uma parte do festival dedicada à música chill out, Reggae, world music, além de diversas apresentações  e oficinas com instrumentos étnicos.  São muitas as experiências pelas quais você pode passar estando no Universo Paralello e vou contar um pouco da minha.

Fazenda de coqueiros ao redor da praia de Pratigí onde aconteceu o Universo Paralello

Acabei tomando conhecimento da festa devido a frequentar um Templo Hare Krishna aqui em São Paulo chamado Vrinda. Isso mesmo, apesar de parecer improvável, acabei sendo convencida por eles a ir para lá ter esta experiência e tive a oportunidade de curtir o festival e trabalhar  numa das tendas por lá onde a comida vendida era vegetariana. Trabalhei junto com alguns frequentadores do mesmo templo,  e jovens do Brasil todo além de alguns ajudantes da comunidade local. Foi uma experiência incrível. e enriquecedora! Atender o público, conversar com pessoas de outros países, conhecer muita gente do Brasil todo e curtir uma das maiores festas da minha vida!

É muito mais fácil planejar viagens com o Me Joguei no Mundo!
Utilize os links dos nossos afiliados logo a seguir para conseguir descontos em hospedagens, seguro viagem, ingressos e muito mais!
Amigos Hare no universo Paralello
Onde trampávamos – A comida vegetariana era um sucesso !

Enfrentei 36 horas de ônibus para chegar até Ituberá, tanto na ida como na volta, mas valeu cada minuto!!! De Ituberá até a praia de ePratigí só dá para chegar de pau de arara, numa paisagem cercada de altíssimos coqueiros e lama, muita lama!!

Nunca havia acampado e logo ali iria fazer isto por 7 dias com uma amiga!! Quando chegamos lá a praia já estava tomada por barracas, tendas, decorações artísticas, mas achamos um cantinho para nossa barraca e nos matamos em pleno sol de 40 graus da Bahia para conseguir montá-la.

Roda de capoeira
Foto : Site Universo Paralello 2011 – Letreiro aceso em fogo para comemorar a virada do ano

Todos os dias, à partir das 6 da manhã, o sol já estava forte e era impossível ficar dentro da barraca. Lembro de sair correndo desesperada assim que acordava e correr para o chuveiro. Os chuveiros eram improvisados e a água que era do mangue, devia passar por  algum tratamento, mas continuava mantendo uma cor meio alaranjada…rs . Sendo assim,  algumas roupas e biquinis ficaram nesta cor. Rootz!

Acordar, tomar o banho matinal e sair correndo para tomar o açai com granola como a primeira refeição do dia e já ver as pessoas embaladas ao som da música! Saudades disso tudo!

Foto: Site Universo Paralello 2011 -Tenda Chill Out – onde rolava o som mais alternativo e paraonde fugíamos do sol. Muitas pessoas dormiam sob ela !
No interior da tenda Chill out

Os monges Hare Krishna e seus seguidores montaram um espaço no festival dedicado a divulgar o Vegetarianismo e a cultura deles, sem querer impor a religião às pessoas, mas pelo contrário,  afinal eles estavam num ambiente de festa então eles queriam mostrar como curtir com consciência, como podemos abrir nossa mente e conviver com culturas, pessoas e religiões diferentes. Isso  foi realmente uma lição para mim e pra muita gente ali. Vocês conseguem  imaginar pessoas dançando ao som de música eletrônica de um  lado e do outro monges entoando o cântico Hare Krishna acompanhados de tambores e várias pessoas acompanhando? Era algo mágico! Pessoas do bem!

Talvez eu não consiga expressar em palavras o que foi estar presente no Universo Paralello, você precisa ver com seus próprios olhos,  mas acho que o vídeo abaixo já ajude:

Um dos pontos altos pra mim deste festival  foi ver o show da banda Pedra Branca, a qual já era fã, com muitas performances na tenda Chill out que era um lugar mágico!

Trecho performance artística na Tenda Chill Out

Muita gente que vai para o UP acaba ficando por lá, após o festival e faz um tour pela Bahia. Eu tive que voltar para Sampa devido a trabalho, mesmo tendo recebido alguns convites de amigos e até de nativos que me ofereceram  a casa deles para ficar por quanto tempo quisesse! Show! Esse é aquele tipo de coisa que acontece, quando voce se abre a novas experiências, o mundo acaba conspirando! Até escrevi um post falando um pouco disso e de como pessoas normais podem viajar tanto. Leia aqui. Trata-se de explorar as alternativas e saber aproveitar as oportunidades!

Bom o festival ficou por um tempo ocorrendo de 2 em 2 anos e mudou de lugar mas este ano volta à Praia de Pratigi, onde o conheci e com certeza será mais uma vez um sucesso e pessoas sairão mudadas de lá e espero que para melhor com boa visão sobre o Brasil, nosso povo e cultura!

Foto : Site Universo Paralello 2011

Foto: Divulgação Site Universo Paralello 2011
Foto: Divulgação Site Universo Paralello 2011
Universo Paralello Bahia
Foto: Divulgação Site Universo Paralello 2011

O Universo Paralello deste ano com certeza vai ser especial comemorando a chegada de 2014 .

Ficou curioso após ler este post? Acesse o site oficial e fique ligado para maiores informações!

Gostou deste Post?

Cadastre-se aqui e receba diariamente nossos Posts em seu Email

 

Mais de Monique Bianchi

Trilha dos esquilos em Arosa

Uma das coisas mais bacanas que acontece quando se tem a oportunidade...
Leia Mais

36 Comments

  • Bom dia a todos vcs em fim moro em belo horizonte MG nunca tive oportunidade de ir no universo paralelo tenho um desejo enorme de conhece gosto muito de arte esta e minha cara curto raves mais igual essa nunca vi na minha vida obrigada abraço a todos e a todas

  • Boa noite , pessoal , vcs tb deveriam informar nas suas estatísticas , o número de pessoas que perderam a vida com ima bestialidade dessas , qtos morreram por afogamento , qtis por coma alcoolica , qtos por overdose de drigas de vários tipos , por que não divulgam o número de visaa dizimadas em um evento , esta combinação explosiva de alcool , drogas , e Mar , não pode se esperar nada bom , é uma festa para destruição de muitas vidas isso sim !!!Deverua ser banido deste pais este tipo de evento que nada mais e uma forma de destruição de vidas e das famílias , meu Filho está preparando para ir neste evento , porém ele somente irá se eu ja estver partido dessa pra uma melhor , pois este tipo de evento , e para pessoas que quer se jogar na morte , isso sim .

    • Oi Tânia, caso você não tenha reparado, essa página é um blog pessoal, o que significa que estou compartilhando a minha experiência aqui. As pessoas podem escolher se inspirar ou se revoltar como você, mas mesmo assim esse relato não deixa de ser a minha experiência. Aliás, você deveria conversar com seu filho ao invés de vir despejar sua raiva e frustração em um website de alguém que não tem anda a ver e nem quer saber dos seus problemas.

    • Bom dia,

      Se UMA pessoa tivesse morrido em algum festival desses, certamente seria notícia como os desastres da Vale em Mariana e Brumadinho. 20 mil pessoas felizes, não é notícia, mas 1 pessoa morta numa festa é… como ocorreu em Brasilia em 2018. Se algo bom para falar, fique a vontade, mas ser negativo, pessimista e amargo, destilar ódio, melhor guardar para você.

  • Para quem quer aproveitar o Festival e está com a familia uma boa opçao e ficar na cidade. Tenho uma casa espaçosa e toda mobiliada no centro de Itubera com acomodaçoes para dez pessoas em em camas separadas mas da pra acomodar mais gente , preço a combinar meu telefone zap 31 987579966 Tenho fotos da casa . tel 31 988569966

  • Oioioiiii, adorei sua experiência relatada aqui.
    E eu estou na intensão de ir esse ano…já vi mtos blogs e sites falando sobre a festa…
    porém minha curiosidade é sobre o valor aproximadamente que se leva para a festa…
    eu pretendo levar roupas leves, a barraca, roupa de cama, colchão inflável, toalha e cangas.

    Entretanto usarei a cozinha comunitária e tb levarei mantimentos, ocorre que não sei se é possível levar água e se for qual seria a quantidade.

    ATT.

    • Oi Marcelle, tudo bem, como contei no post fui na festa em 2008 então acredito que os preços tenham subido bastante. Não sei te indicar quanto levar em media, até pq eu tive uma experiência diferente la como relatei,trabalhando e assim não gastava praticamente nada com comida. Depende dos gastos que planejar ter, alem de bebidas e comida. Abraços

  • Tudo bom, queria saber a respeito da segurança, quando se refere às barracas. e se possivel, o valor médio do quanto foi gasto para curtir a viagem, festa,etc.
    obrigado

  • nossa!!!! acabei de fechar essa viajem, obrigado por descrever tdo aqui no blog, e os comentarios da galera tbm sao nota 10!
    vamos q vamos, virada de ano em uma festa mto boa 2013-2014 =)

    • Oie Letícia! Até onde sei o festival está sendo bianual sim e acho que muita daquela vibe que citei no post ainda permanece viu. Claro que conforme vai ficando mais popular o festival vai perdendo um pouco a sua essência e se tornando mais comercial, mas mesmo assim tenho certeza que vai ser animal!

    • Oi Lena!! O UP é demais, vc vai curtir quando for! Sim, o ingresso vale para todos os dias! Não sei se mudou algo, mas sempre foi assim. De qualquer forma fica ligada no site oficial para confirmar estas informações ok! Beijos!

    • Oi Nayara, como descrevi no post, eu fui em 2010 e não sei te dizer se há alguma agência que realiza pacotes, mas acredito que pelo site do evento você consiga alguma informação quanto a isso. Abraços

    • Oi Márcia! Se o festival este ano for no mesmo local, na praia de Pratigi, o aeroporto mais próximo é o de Salvador! De lá tem que pegar um ônibus até Ituberá e de lá pegar o pau de arara para ir até a praia onde é o festival! Abraços!

  • Estive esse ano e realmente concordo plenamente com o exposto pela Monique.

    A magia desse lugar nos faz sentir mais próximos do Criador (seja Ele Deus, Alá, Jah, Javé, Hari, Shakti, Jeová… ). O melhor de tudo isso é sentir o respeito entre as pessoas onde muitas vezes não é necessário pronunciar uma única palavra, pois o olhar ou o sorriso dizem tudo. Ao pensar sobre a experiência do Universo Paralello vêm a tona uma sensação de que são muuuuuitos sentimentos bons que se torna impossível explicar, só podem ser exclusivamente sentidos…

    Ficamos envolvidos pela energia positiva, pelas lições de solidariedade, humanidade, confraternização, respeito, amor, paz, natureza, poesia, alegria, igualdade, amizade, autocontrole…

    Tive o privilégio de ter uma surpresa na virada do ano, pois o meu namorado me presenteou com uma aliança para ficarmos noivos e me deixou bastante emocionada!!! A magia e encanto desse lugar nos faz querer realizar o nosso casamento (ainda que simbólico) nesse Universo Paralello, portanto que venha o próximo UP!

    Forte abraço!!

    • Oi Suzy! Que bacana que vc pôde vivenciar isso tudo também no UP e imagino que mágico deve ter sido esse momento de ficar noiva por lá!
      Acho que essa parte boa do festival é que tem que ser explorada né, muita coisa boa acontece ali!
      Beijos e obrigada pela visita =)

  • poxa, não gostam quando divulgam o UP, pq senão vai enxer de chacoteiro que tão frequentando por modinha, e não pelo trance ;/ tanto que foi, que o festival se tornou bi anual agora (:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *