Grécia, Ilhas jônicas

Meu roteiro de viagem nas ilhas jônicas

2 de outubro de 2016

O que visitei em 10 dias em Lefkada e Zakynthos

Ao pensar em ilhas gregas, normalmente vem à mente as famosas Mykonos e Santorini que fazem parte das ilhas Cíclades no mar Egeu e que são indiscutivelmente algumas das maiores atrações turísticas pelo país. Contudo, a Grécia é um país que oferece centenas de possibilidades em se tratando de destinos paradisíacos, e neste quesito as ilhas jônicas vêm ganhando espaço e se tornando referência.

As ilhas jônicas foram o motivo dessa minha segunda viagem à Grécia!!! Passei 10 dias lindos em Zakynthos e Lefkada! Mas afinal quais são as ilhas jônicas e onde elas se localizam?

Bom, as ilhas jônicas são um conjunto de ilhas localizadas no mar jônico na costa ocidental da Grécia, relativamente próximo à Itália. São 7 ilhas principais: Corfu, Kefalonia, Zakynthos, Lefkada, Ithaca, Paxos e Kythira.

 

ilhas jonicas grecia mapa

As ilhas jônicas na parte pintada em amarelo e as ilhas Cíclades em verde.

Dentre essas 7 ilhas, a de Zakynthos acabou se tornando a mais famosa graças à incrível praia Navagio Beach, também chamada de Shipwreck, com a qual você provavelmente já deve ter se deparado em revistas de viagem ou pela internet.

praia-navagio-em-zakynthos

A incrível praia de Navagio vista de um mirante!

Sem dúvidas afirmo que essa praia foi inclusive a minha motivação inicial em planejar uma viagem pelas ilhas jônicas.

Cerca de meio milhao de turistas visitam Zakynthos todo verão, muitos em busca da vibe festeira que rola em Láganas, mas a parte norte da ilha é muito tranquila e ainda intocada por clubs e esse turismo desenfreado.

Quais ilhas jônicas visitar?

Tarefa difícil e que depende de quantos dias de viagem você possui e do seu estilo de viagem.

Eu tinha 10 dias de férias e como queria visitar a Navagio Beach, claro que escolhi a ilha de Zaynthos primeiramente e pesquisando mais a fundo acabei me decidindo por Lefkada também. Se eu tivesse mais 4 dias, teria incluído Cefalônia, mas não deu dessa vez  porque lentamente começo a mudar meu estilo de viagem. Antes eu queria conhecer o máximo possível em um curto espaço de tempo e agora percebo que para mim o ideal é focar em menos áreas mas explorá-las a fundo, portanto para mim 2 ilhas em 10 dias foi o ideal para conhecer as melhores atrações de cada uma e curtir com calma, com tempo para voltar nas praias e lugares que mais gostei.

O instagram me ajudou muito nessa decisão de escolha das ilhas até porque vendo as fotos do @thiagolopez e da @loucosporviagem não tem como não se apaixonar pelas ilhas jônicas. Mas eu também pesquisei freneticamente as ilhas no instagram e fui anotando as praias que mais me chamaram a atenção.

( Me siga também no instagram → @blogmejogueinomundo )

porto_katsiki_lefkada

 

Lefkada apareceu quando vi fotos da praia Porto Katsiki e Egremni, praias que já foram consideradas as mais belas da Europa e entre as mais lindas do mundo. Então, tive certeza que deveria visitar essa ilha.

Confesso que minha ideia inicial era visitar Zakynthos e Cefalônia, principalmente por conta da Melissani Cave, com a qual ainda sonho, mas pela quantidade de dias e a minha decisão de usar um carro alugado como transporte principal, Lefkada foi a escolhida.

Recomendo pesquisar carro na RentalCars e escolher uma das locadoras mais confiáveis como Hertz e Avis.

Minha rota pelas ilhas jônicas

Compartilho abaixo um mini infográfico ilustrando o meu roteiro pelas 2  ilhas jônicas nesses 10 dias.

roteiro de viagem ilhas jônicas

Primeira parte do roteiro

Meu ponto de partida foi Zurique, de onde pegamos o voo em direção à Atenas. Chegamos lá logo após o almoço e no aeroporto pegamos o carro que alugamos previamente.

De Atenas dirigimos até Lefkada. Sim, isso é possível graças a uma ponte que liga a ilha ao continente!

Sao cerca de 400km, e a estrada está passando por obras, então demoramos mais de 5 horas para chegar até a ilha. Mesmo saindo razoavelmente cedo de Atenas ( 3 da tarde ) acabamos chegando na ilha de Lefkada depois do escurecer, o que não é uma das melhores ideias, já que as estradas na ilha são um pouco caóticas.

Vasiliki foi a minha região escolhida como base para me hospedar em Lefkada, mas também gostei bastante de Agios Ioannis, uma vilinha mais próxima do centro de Lefkada e ponto de partida para a linda praia Milos.

Ficamos hospedados no hotel Katerina Lefkada, em frente à praia Ponti que é famosa por ser ponto de prática para Windusrfing. A praia não possui a beleza estonteante das maiores atrações da ilha, mas também é bonita e a vila de Vasiliki pode ser pequena mas tem seu charme e além de tudo é um dos pontos mais perto para explorar a praia de Porto Katsiki e Egremni!

praia-egremni

O Hotel Katerina Lefkada é um hotel simples, familiar, mas um dos mais bem avaliados da região de Vasiliki e foi o suficiente para mim. O quarto era grande e arejado, limpo diariamente, roupas de cama e de banho trocadas diariamente e possuía uma sacada de frente para a praia além de piscina, a qual acabei não testando.  Na minha opinião, o custo-benefício e a localização foram as principais razões dessa escolha, até porque quando reservei o hotel, a um mês antes da viagem, as opções já estavam restritas.

Mais opções de hotéis em Lefkada você vê nesse link. Outra regiao para considerar em relaçao a hospedagem é Nydri.

Em Lefkada passamos 5 dias e 4 noites. Tempo ideal para visitarmos 3 vezes a sensacional Porto Katsiki, e as não menos incríveis, Egremni Beach e Agyofili, entre outras.

Lefkada me impressionou muito pela cor do mar, pela beleza das praias e por ser ainda uma ilha que tem muito a crescer em questão de infraestrutura e possibilidades turísticas.

 

Segunda parte do roteiro

Quando chegou a hora de irmos para Zakynthos, dirigimos de Lefkada (Vasiliki)  até o porto de Kyllini, num percurso de mais de 200 km, que fizemos tranquilamente em 2 horas.

É desse porto que saem os ferries em direção a Zakynthos e Cefalônia.

Confesso que não planejamos muito bem os horários, mas tivemos sorte de chegar lá bem na hora que um ferry estava partindo.

Foi o tempo de pararmos no quiosque para comprar os bilhetes, colocar o carro dentro do ferry e embarcar.

A travessia de Kyllini até Zakynthos levou cerca de 1h15m.

O preço para duas pessoas e mais o carro era cerca de 40 euros, mas havia uma promoção comprando ida e volta  por 60 euros e acabamos fazendo isso, o que foi um erro. Conto a seguir porquê…

Dica: Veja horários dos ferries e valores nos sites oficiais:

1 – http://kefalonianlines.com/

2- http://www.levanteferries.com/

A viagem no ferry foi bem confortável e passou rápido.

 

Segundos antes de me jogar no mar azul de uma das Blue Caves! ? #Bluecaves #Zakynthos #ilhasjônicas

Ein von Monique Bianchi (@blogmejogueinomundo) gepostetes Foto am

Ao desembarcamos em Zakynthos pegamos o carro e dirigimos até a parte norte da ilha, que escolhemos como nossa base para hospedagem, próximo a vila e porto Agio Nikolaos ( ótimas opções de hospedagem também) em uma região chamada de Skinari. Dirigimos cerca de 1 hora por estradas com vistas exuberantes mas cheias de curva e bem estreitas.

Nosso hotel escolhido foi o Lithies Studios, que foi ótimo em todos os aspectos e superior ao hotel que reservamos em Lefkada.

Eu estava pensando primeiramente em reservar hospedagem ali perto mesmo, no Hotel Potamitis Brothers que possui verdadeiros moinhos de vento transformados em acomodação. Vi a indicação no theGuardian e os preços eram ótimos, mas acabei me decidindo pelo Lithies Studios por achar o quarto mais espaçoso e a resenha da Fabi do Loucos por Viagem e do Guilherme do Quero Viajar Mais, que também ficaram hospedados por lá, me inspiraram.

Em Zakynthos ficamos 5 dias e 4 noites, tempo que achei o suficiente para explorar com calma as maiores belezas da ilha como a praia de Navagio Beach, a qual fomos de barco 2 vezes, e ao mirante 2 vezes também, às diferentes e especiais praias de Porto Vromi, Porto Roxa e Porto limnionas, às fantásticas Blue Caves, a região de Kampi, e à ilha de Marathonisi, conhecida como ponto de preservação de tartarugas.

Terceira parte do roteiro

Dirigimos do nosso hotel até o porto de Zakynthos e chegando lá descobrimos que o ferry o qual nós já havíamos comprado o ticket ( que estava em promoção, se comprasse ida e volta) havia partido cerca de 10 minutos antes. Sim, falha nossa que esquecemos de olhar os horários da companhia de ferry e que no caso o próximo ferry partiria apenas 4 horas depois.

Decidimos então comprar novamente tickets da outra empresa Levante Ferries, que partiria em 30 minutos. No final acabamos gastando mais, mas o erro foi nosso de não ter se programado com relação aos horários. Por isso, digo que foi um erro comprar ida e volta, mesmo que o preço tivesse sido menor, mas no nosso caso, o barato saiu caro…

Fomos de ferry até Kyllini, num trajeto de cerca de 1h, o qual nem sentimos pois o ferry possuiu vários ambientes e wifi free, que nos deixou entretidos durante o tempo de viagem.

Quando chegou a hora de desembarcamos, pegamos nosso carrinho companheiro de viagem e dirigimos até Atenas. O trajeto de cerca de 300 km fizemos em um pouco mais de 3h.

Em Atenas, fomos até o centro histórico na região onde fica a Acrópoles, onde escolhemos um hotel para ficar hospedado por uma noite.

 

Escolhemos o hotel Divani Palace, que fica praticamente ao lado da Acrópole. Esse foi o principal motivo já que teríamos apenas um dia por lá e gostaria de revisitar alguns lugares que me marcaram na minha primeira viagem à Atenas!

O hotel Divani Palace é classificado como 5 estrelas, mas peca em alguns detalhes, como a decoração meio old fashion. Mas pelo menos não era tão caro quanto a maioria dos outros hotéis na região e o café da manhã era muito bom!

Outras opções de hotéis em Atenas na região da Acrópole, você vê aqui.

Na minha primeira ida a Atenas fiquei ali pertinho só que num hostel, o Athens Backpackers que também fica bem localizado, perto da Acrópole e do lado de uma estação de metro, mas me lembro de um episódio com bedbugs, então eu recomendaria outro que parece ser muito melhor: o City Circus Athens, que fica perto dali, mas na região de Thission, do lado da estação de metrô Monastiraki.

Nesse 1 dia que ficamos em Atenas, visitamos a Acrópole e o museu da Acrópole e fomos jantar em Plaka, no mesmo restaurante que havia comido ha 5 anos… Sim, recomendo!

Quarta e final parte da viagem

Chegada a hora de partir, fizemos o check -out em nosso hotel e dirigimos até o Aeroporto de Atenas, cerca de 40 minutos dali do centro histórico. Devolvemos o carro e fomos fazer o check-in do nosso voo de volta a Zurique.

Essencial dizer o quão o carro foi importante em nossa viagem! Se não o tivéssemos alugado, teríamos ficado limitados a serviços de ônibus com horários precários e não teríamos conhecido todos os lugares pelos quais passamos. Recomendo muito alugar um carro em uma viagem pelas ilhas jônicas.

Esse foi o meu roteiro e claro, há diversas outras possibilidades, chegando até as ilhas de avião por exemplo.

Quem pretende incluir a ilha de Cefalônia num roteiro parecido com esse meu, a dica é que em Zakynthos, perto de onde eu estava hospedada, no porto de Agios Nikolaos saem 2 ferries diários ( durante o verão) para a ilha. Uma opção para quem tem mais tempo  de viagem.

Definitivamente as ilhas jônicas Lefkada e Zakynthos merecem a fama e fui embora com aquele sentimento de quero mais!

Cadastre seu Email e receba artigos como esse ( de forma gratuita e sem SPAM)

[mc4wp_form]

+Dicas para planejar a sua viagem pela Europa

Escrevi um artigo com diversas dicas para quem está planejando uma viagem pela Europa, veja aqui.

Se você quer inspiração de passeios pela Europa ou pretende comprar ingressos para as principais atrações com antecedência indicamos o site da empresa Viator que em conjunto com várias agências de turismo dos países oferecem passeios e excursões com preços diferenciados além dessa possibilidade de comprar ingressos antecipados e pular a fila! Confira abaixo:

Inspiração – passeios e excursões pela Europa – compre também bilhetes para as principais atrações e pule a fila!

Aqui no Blog temos duas parcerias que podem te ajudar a economizar ao adquirir um Seguro Saúde. A primeira é comprando um seguro de viagem da Mondial Assistance aqui no Blog e assim garantindo um desconto de 15% sobre o valor. Veja aqui o código que garante o desconto.

Outra opção é utilizar o Comparador de Preços de Seguro de Viagem de diversas empresas, a Real Seguros. Você pesquisa, compara e escolhe a melhor cobertura para a sua viagem com o melhor preço e ainda garante um suporte diferenciado e consultoria. Faça aqui sua cotação.

Para pesquisar valores e comprar tickets de trem pela Europa recomendo que você faça sua pesquisa no site da Raileurope.

Sobre aluguel de carro na Europa recomendo a Rentalcars.

Leia também esse artigo onde dei algumas dicas para conseguir melhores preços e onde fazer sua cotação.

Use o Booking.com para Pesquisa e Reserva de Hotéis. Sempre pesquiso e acabo reservando hospedagem por lá por vários motivos, entre eles, a possibilidade de muitas vezes reservar sem o cartão de crédito ou optar por pagar apenas na chegada e também é possível ler as avaliações de outros hóspedes.

Veja aqui, por exemplo uma relação de links de hotéis mais bem avaliados no Booking.com nas principais cidades europeias:

 

Hotéis Populares e Recomendados em Amsterdam | Hotéis Populares e Recomendados em Barcelona | Hotéis Populares e Recomendados em Berlim

 

Hotéis Populares e Recomendados em Bruxelas | Hotéis Populares e Recomendados em Budapeste | Hotéis Populares e Recomendados em Estocolmo

 

Hotéis Populares e Recomendados em Florença |Hotéis Populares e Recomendados em Lisboa | Hotéis Populares e Recomendados em Londres

 

Hotéis Populares e Recomendados em Madrid | Hotéis Populares e Recomendados em Paris | Hotéis Populares e Recomendados em Praga

 

Hotéis Populares e Recomendados em Roma | Hotéis Populares e Recomendados em Sao Petesburgo | Hotéis Populares e Recomendados em Veneza

 

Hotéis Populares e Recomendados em Viena | Hotéis Populares e Recomendados em Zurique

Mais posts sobre a Europa para te inspirar

Artigos sobre a Alemanha

Artigos sobre Amsterdam

Artigos sobre a Croácia

Artigos sobre a França

Artigos sobre a Grécia

Artigos sobre a Itália

Artigos sobre a Suíça

Artigos sobre a Turquia

Este post contém links de afiliados o que permite que um percentual de comissão seja repassado ao Blog em caso de reservas realizadas por aqui mas você leitor não paga nada a mais por isso e ainda contribui para manter o blog ativo e atualizado. Em caso de dúvidas consulte nossa Política de Publicidade.

travel-icon-183Não está esquecendo de nada? + Dicas para planejar a sua viagem pela Europa

 
  • Já reservou o seu hotel?

    Recomendamos efetuar a pesquisa e reserva de seu hotel no Booking.com, uma plataforma de busca e reserva de hotéis reconhecida mundialmente. Sempre pesquiso e acabo reservando hospedagem por lá por vários motivos, entre elesa possibilidade de muitas vezes reservar sem o cartão de crédito ou optar por pagar apenas na chegada e também é possível ler as avaliações de outros hóspedes, o que auxiliar muito na decisão ao escolher um hotel.
 
  • Seguro de Viagem 

    Nunca se esqueça de contratar um Seguro de Viagem/Assistência Médica para a sua viagem pela Europa! Um Seguro de Viagem é essencial para garantir que tudo corra bem em sua viagem e é algo que possui um custo baixo e pode evitar diversos problemas que poderiam causar stress à sua viagem. Recomendamos a Mondial Assistance, uma das melhores seguradoras do ramo. Use este link para fazer a sua cotação e garantir o desconto oferecido por eles.
 
  • Global Pass

    Está fazendo uma eurotrip e considera viajar de trem pela Europa? Excelente ideia! Saiba mais sobre o Globalpass que provavelmente é a melhor opção para você viajar de trem  sem stress pela Europa. Informações e venda aqui.
 
  • Aluguel de carro na Europa

    Para quem quer ter a liberdade de fazer uma roadtrip pela Europa o aluguel de carro é  sem dúvida uma excelente opção! Recomendamos o site RentalCars, que é um buscador que mostra diversas locadoras de carros e os melhores preços.
 
  • Excursões e passeios com excelente custo benefício/Compre tickets das principais atrações turísticas de cada país com antecedência

    Testamos a Viator e recomendamos. É uma das principais companhias que vendem passeios mundialmente e eles possuem parceria com diversas agências de turismo pela Europa. É possível encontrar desde transfers de aeroporto até o seu hotel até day trips e excursões privativas ou não com guia por diversas atrações turísticas de cada pais. Para quem não quer dirigir, vale à pena dar uma olhada. Veja aqui todas as opções de passeios oferecidos.
  Este post contém links de afiliados o que permite que um percentual de comissão seja repassado ao Blog em caso de reservas realizadas por aqui mas você leitor não paga nada a mais por isso e ainda contribui para manter o blog ativo e atualizado. Em caso de dúvidas consulte nossa Política de Publicidade. 

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply julia 19 de abril de 2017 at 12:39 PM

    Oi Monique! Adorei o seu relato, estou planejando minha lua de mel na Grécia. Antes tinha pensado em ir para as ilhas jónicas de avião, mas gostei da sua ideia de ir de carro (adoro viajar assim). Você achou cansativo? Ou foi tranquilo esse trajeto entre atenas e as ilhas?

    A volta, você tem que retornar para Lefkada né? O trajeto todo saindo de Zakinthos até Atenas demorou quanto tempo? Você lembra? Outra coisa, a questão do gasto com combustível, você tem uma ideia de quanto gastou nesse período?

    Obrigada

    • Reply Monique Bianchi 19 de abril de 2017 at 3:06 PM

      Oi Julia, tudo bem? As ilhas jônicas são sensacionais! Ir de avião seria mais fácil mas não ha muitas conexões e voos diretos para lá, então acho que vale à pena sim fazer uma roadtrip. Confesso que no inìcio da viagem achei cansativo mas a volta foi muito tranquila, e na verdade o caminho de Atenas até o porto de onde se pega o barco até as ilhas nem é tao longo assim. Levamos 3h acho pq estava em obras. Vc nao precisa ir pra Lefkada, mas sim para Kylini como comentei aqui no post. Infelizmente nao lembro gastos com gasolina mas nao foi muito! Espero ter ajudado, abraços

    Leave a Reply